domingo, 21 de agosto de 2016

Reflexões e análise de vida!

Neste domingo nublado e frio aqui no sul, preparo meu chimarrão, sento no computador, para uma análise da caminhada de vida, hoje no silêncio, bom para pensar.
         Li um texto da Escritora Edna Lopes, aqui no Recanto, o que me levou a escrever esse tema.
         Percorri estradas e caminhos, portas se abriram e se fecharam, mas a vontade de continuar, a persistência de vencer os percalços, foi mais que as pedras que apareceram.  A fé remove montanhas e é nessa fé que sempre coloquei minhas metas e meu posicionamento perante os problemas.
        Analisando, hoje na maturidade, aposentada, primo pela paz e tranquilidade, enfrento os problemas com mais serenidade, pratico o desapego de bens materiais, conservando em primazia os bens afetivos que possuo, que são meus filhos e netos, o companheiro partiu muito cedo, mas nem por isso, perdi o rumo.
      A vida continua e procuro fazer novas amizades, ocupar minha mente, amo escrever aqui no Recanto.  Alimento meu espírito com leitura, afetos e fé.
     Quando a nostalgia chega, é inevitável, ela vem sem pedir licença, procuro afastá-la com pensamentos positivos, ouvindo uma música, fazendo um atividade ocupacional  física ou mental.
     Colocando na balança, há um perfeito equilíbrio entre os bons e os maus momentos.. afasto esses últimos e re(a)vivo os primeiros, para que tudo tenha sentido e primo pela qualidade de vida, que espero seja muito prazerosa.

                             
                                 Luiza
                                 aos 21/08/2016
                       

sábado, 13 de agosto de 2016

Imunidade do tempo....



Agora me tenho atrás das cãs
Não careço engolir tanto sapo
Pois dei início às fases anciãs
Agora é história e outro papo

Justifico-me por já estar senil
Vi-me livre dos chás de fralda
Solenidades e a postura servil
No mais a idade me respalda

Adquiri o direito a ter manias
Cometer gafes e ser ranzinza
Já não consideram anomalias
Iminência de tornar-me cinza

Em todo lugar me são solícitos
Poupam-me de filas e esperas
Imune à imputação de ilícitos
Imune às ilusões ou quimeras.


marciopoeta

Publicado no Recanto das Letras.

Para quem já passou dos 50 anos!


1. USE O SEU DINHEIRO para o seu bem pessoal.
2. PARE de PREOCUPAR-SE COM A SITUAÇÃO FINANCEIRA dos filhos e netos.
3. JÁ NÃO é época de sustentar qualquer pessoa de sua família.
4. SEMPRE compre o melhor e mais bonito que sua grana puder.
5. NADA de angustiar-se com pouca coisa.
6. Independente da idade, sempre mantenha vivo o amor. Namore.
7. Seja vaidoso.
8. NADA de SER MUITO "MODERNO".
9. SEMPRE mantenha-se atualizado.
10. Respeite a opinião dos JOVENS.
11. Nunca use o termo “no meu tempo...¨
12. NÃO caia em tentação de viver com filhos ou netos.
13. Pode ser muito divertido conviver com pessoas de sua idade.
14. Mantenha um hobby.
15. ACEITE convites.
16. Fale pouco e ouça mais.
17. Dores e desconfortos, apresentará sempre. Não os torne mais problemáticos do que são.
18. Permaneça apegado à religião. Busque a fé onde haja PAZ.
19. Ria muito, ria de tudo.
20. Não faça caso do que dizem a seu respeito, e menos do que pensam de você.

LEMBRE-SE: “A vida é muito curta para beber vinho ruim.”