domingo, 27 de setembro de 2015

História de uma vida..

Domingo, como outro qualquer...
Enquanto preparo o chimarrão, faço os preparativos para o almoço.. Tempo sem chuva, sol meio tímido, paz e tranquilidade.
Um porém, todo especial: há dois meses hoje, minha querida mãe partiu... A saudade é imensa. Acordei com lágrimas nos olhos, lembrando de tantos momentos especiais desde a infância... Na adolescência, na vida adulta, quantas alegrias e quantos percalços passou. Lembro de sua cozinha limpinha, seu fogão a lenha com as panelas brilhando, os filhos, que eram dez, a chamando... Dos temas de casa, que , enquanto fazia o almoço, me ensinava... De uma inteligência e memória excelente, quanta cultura nos passou dos jornais que lia, das histórias que nos contava, a maneira como nos ensinava a lavar as roupas brancas, alvejadas pelo sol... minhas crianças pequenas que as acolhia, os mesmos que na fase adulta lhes deram tanto carinho e afeto...as surpresas que lhe preparavam em seus aniversários... Foi uma mãe e avó, humilde, persistente, corajosa, que enfrentou perdas e percalços, sempre labutando. Os pequenos consertos domésticos que fazia, desde uma tampa de panela, até uma máquina de costurar...nos passou tantos ensinamentos... Foi uma vida passada junto, residindo pertinho. Sua missão foi cumprida. Cabe a nós, seus filhos, sua geração, dar continuidade a caminhada que cada um escolheu, dentro dos parâmetros de integridade e trabalho.  Hoje, sua nova morada, é um cantinho todo especial, de muita luz e paz, junto ao nosso Papai e seus três queridos filhos que a antecederam na eternidade.

                                     £uiza
                                     São Paulo,   27/09/2015


Nenhum comentário: